Talvez você não tenha escutado essa frase e pode até soar estranho de primeiro momento, mas comer também queima calorias. Para que isso ocorra, é necessário ingerir as substâncias ou alimentos que consigam exercer esse trabalho de queima no organismo, e eles são os tão falados termogênicos.

A matemática para quem deseja perder peso é fácil: é necessário que você gaste mais do que consome, isso pode acontecer com a redução de alimentos impróprios e também aumentando os gastos calóricos, o uso de termogênico é garantia de auxílio para essas duas missões.

Como funcionam os termogênicos

Os termogênicos também são os chamados de “queimadores de gordura”, por trabalharem tornando as calorias que nascem da alimentação e gordura corporal em energia. Para conseguir essa benfeitoria, eles mantêm o metabolismo altamente acelerado, para promover uma queima calórica grande durante todo o dia.

O consumo de termogênicos não auxilia apenas a perda de peso, por oferecer diferentes vantagens ao organismo, ele apenas torna mais simples e eficaz o processo de emagrecimento. Normalmente, as substâncias que fazem parte das fórmulas com termogênicos são a cafeína, yohimbe e sinefrina HLC.

Benefícios do uso de termogênicos

Aceleração cardíaca: devido à maior velocidade dos batimentos cardíacos, mais quantidade de nutrientes e sangues chegam até os tecidos e células, o que queima a gordura e melhora o desenvolvimento das atividades físicas.

Glicogenólise: o uso de termogênicos também ativa a quebra de polissacarídeo presentes nos músculos, quando essa quebra acontece é possível adquirir mais energia para as atividades que pedem um maior esforço. Vale ressaltar que glicogênio muscular é uma das fontes energéticas mais necessárias.

Broncodilatação: a broncodilatação nada mais é do que o aumento da dilatação da quadrela dos brônquios, permitindo um fluxo maior de O2. E quanto maior é o armazenamento de oxigênio, maior também é o rendimento aeróbico. Ou seja, os exercícios aeróbicos, os de corrida e até mesmo aqueles de alta intensidade são melhores feitos com o uso de termogênicos.

Além desses benefícios, também estão inclusos os mais conhecidos, como a redução do apetite e a definição da massa muscular.

Utilizando os termogênicos

Quase sempre a indicação para o uso desse produto é de um intervalo que varia entre 15 minutos e 1 hora antes do treino, entretanto cada marca presente no mercado tem a sua própria sugestão em relação ao uso, por isso esteja sempre de olho nos rótulos.

Não esqueça também que todos os produtos, por mais que sejam 100% naturais, podem causar algum tipo de efeito colateral. Os efeitos dos termogênico lembra muito os causados pelos estimulantes, e geralmente aumentam de acordo com a quantidade que se consome.

Dor de cabeça, insônia, aumento de pressão arterial, pouca concentração, enjoo e arritmia cardíaca estão inclusos na lista de possíveis problemas.

Se você possui diabetes, se já tem dificuldades para dormir ou tem algum problema cardíaco não é recomendado que faça a ingestão de produtos termogênicos. Independente de qual seja a situação da sua saúde, o melhor é que peça a orientação de um bom profissional, com os exames corretos é possível identificar se os termogênicos são a melhor opção para o seu corpo ou não.